Saúde Alimentar

Tal como outras hortaliças de folha verde escura, os espinafres têm propriedades que protegem e regulam o metabolismo.

A Organização Mundial de Saúde recomenda um consumo mínimo de 400 gramas destes hortículas por dia para se usufruir dos seus efeitos terapêuticos.

Não é exagero dizer que os espinafres têm mais benefícios que muitos medicamentos. Contudo, este alimento não pesa no estômago, já que em cada 100 gramas existem apenas 16 calorias, sendo deste modo, um grande aliado das dietas de emagrecimento.

As folhas macias do espinafre são também fontes importantes de sais minerais. O ferro, o potássio, o enxofre, o arsénico, o cobre e o iodo actuam na formação e constituição do sangue. O magnésio, o cálcio e o fósforo são imprescindíveis na aquisição de massa óssea e no desenvolvimento da dentição. Contêm ainda luteína, um antioxidante da família dos carotenóides, que melhora a visão e funciona como uma arma potente contra o risco de cancro do cólon. Um dos principais responsáveis pelo verde das folhas é a clorofila, um pigmento capaz de oxigenar as células e melhorar o metabolismo da energia.

Ver cartaz aqui.

Anúncios