Dezanove milhões de euros

Do QREN para Gaia

Dezanove milhões de euros para requalificar Vila d’Este e para o Centro Histórico, o valor da candidatura da Câmara de Gaia o Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN), que a autarquia viu aprovada.

A Câmara candidatou obras e projectos no valor de 42 milhões de euros, estes 19 milhões dizem respeito à primeira fase de candidaturas.

No primeiro trimestre do próximo ano, arranca a requalificação física integral de Vila d’Este, uma intervenção complexa num empreendimento onde moram cerca de dezassete mil pessoas. Durante a fase de obras ninguém se ausenta das suas casas o que torna o processo mais complexo.

Para o Centro Histórico chegarão cerca de nove milhões de euros, para uma candidatura apresentada pela Câmara e várias entidades empresariais.

Do leque de intervenções aprovadas nesta primeira fase, o destaque vai para a requalificação urbanística da Área de Intervenção de Cândido dos Reis, Instituto de Artes e Imagem, reconversão do Corpus Christi, com vista á instalação da Gaiurb e um conjunto de intervenções ligadas à associação de empresas do Vinho do Porto.

PS/Gaia congratula-se

Para o PS/Gaia este financiamento por parte do Governo “vem na linha do que o PS/Gaia e os autarcas de Vilar de Andorinho e de Santa Marinha têm vindo a pugnar, no sentido da dotação de boas condições de habitabilidade para os locais.”

“O Governo mostra assim”, continua o PS, “uma inabalável postura institucional, reforçando a forte convicção no direito constitucional à habitação, como estratégia de inclusão social.”

Diz ainda o PS, liderado por Vítor Rodrigues, que o Governo mostra também “uma forte defesa do interesse público, não ostracizando a câmara de Gaia dos investimentos públicos, ao contrário dos escandalosos atropelos às Juntas de Freguesia do PS que a Câmara liderada pelo Dr. Menezes tem vindo a fazer.”

Finalmente, na sua declaração de regozijo, o PS destaca: “depois do financiamento do Contrato Local de Desenvolvimento Social, o Governo do PS deixa mais uma marca em Gaia.”

Anúncios